‘Festival de Cultura Popular’ reúne dança e música na escola ‘João Leão’ em Cândido Mota

festival cultura3

 

Nesta sexta-feira, a partir das 19h, na escola municipal ‘João Leão de Carvalho’, acontecerá o ‘Festival de Cultura Popular’, dentro das festividades em comemoração aos 95 anos de emancipação político-administrativa de Cândido Mota. Segundo a diretora do Departamento de Cultura da prefeitura de Cândido Mota, Luciane Caron, o público irá assistir apresentações de Viola Caipira, Hip Hop, Dança de São Gonçalo, Folia de Reis, Maculelê e Capoeira.

 

festival cultura1


O prefeito Roberto Bueno, o vice José Ângelo Franciscatto e a Câmara de Vereadores, convidam toda população para prestigiar as atividades. “Preparamos uma programação diversificada, para todos os gostos e idades. O aniversário de 95 anos de Cândido Mota é especial para todos nós e, por isso, contamos com a presença dos cândido-motenses nos eventos”, convidaram.

 

convite 95anos cm

 

Viola Caipira

Também conhecida como viola sertaneja, é um dos símbolos da música raiz e serão apresentadas pelos violeiros Isadora Valério, Emily Brancalhão, Bianca Chagas, Luis Torquato, Ingridy Vitória, Isabela Leite, Eduarda Reis, João Pedro Prado e Felipe Correia.

 

Hip Hop

Praticada há mais de 30 anos em ruas ou lugares fechados, é forma de entretenimento ou um passatempo, como também profissional. A apresentação ficará a cargo dos alunos do Centro de Treinamento Max Forma, com o coreógrafo e professor Diego.

 

Dança de São Gonçalo

A apresentação será realizada pelos integrantes do Grupo de Dança de São Gonçalo da cidade de Palmital. Essa dança tem origem portuguesa, mas é dançada tradicionalmente em diferentes estados do Brasil, havendo diferenças de região para região. Antigamente, a Dança de São Gonçalo acontecia no interior das igrejas, sempre em 10 janeiro, data da morte do santo homenageado, que faleceu no ano de 1259. A tradição veio para o Brasil no início do século XVIII e foi trazida pelos fiéis de Santo Amarante. No começo, a celebração envolvia não só a dança, mas festas e romaria para São Gonçalo, conhecido pelos devotos como santo milagreiro, casamenteiro, remédio contra enchentes e protetor dos violeiros. Na imagem popular de São Gonçalo, ele carrega uma viola.

 

Santos Reis

A apresentação será da tradicional Companhia de Reis Família Leiteiro. A Folia de Reis é festa folclórica de fundo religioso, na qual representa o nascimento de Jesus e a visita dos três Reis Magos do Oriente em adoração ao filho da Virgem Maria. Alferes, bandeiras, presépio, santos de devoção, foliões tocando instrumentos como violão, pandeiro, triângulo, bumbos, entre outros, fazem parte do contexto. A Companhia é formada por músicos, além dos integrantes que representam os anjos, as virgens, a Rainha (Virgem Maria), os palhaços, os sentinelas, o Rei Herodes, os três Reis Magos e os Alferes, que carregam a bandeira com a imagem dos Santos.

 

Samba de roda

Os alunos do projeto Abadá Capoeira de Cândido Mota apresentarão o Samba de Roda. Um estilo musical popular brasileiro, trata-se de uma variante do samba com raízes africanas e que reúne diversas músicas, poesias e danças. O samba de roda surgiu na Bahia no século XVII, embora seus primeiros registros datam de 1860. Hoje, ele é patrimônio e herança cultural da cultura afro-brasileira. Esse estilo está intimamente relacionado com a capoeira, que envolve música e lutas, e aos orixás, entidades espirituais africanas.

 

Maculelê
Também apresentado pelos alunos do Projeto Abadá Capoeira, o Maculelê tem diversas lendas ao seu redor. Tais lendas, naturalmente, vieram da tradição oral característica às culturas afro-brasileiras e indígenas da época do Brasil Colônia e inevitavelmente sofreram alterações ao longo dos anos. Em uma delas conta-se que Maculelê era um negro fugido que tinha doença de pele. Ele foi acolhido por uma tribo indígena e cuidado pelos mesmos, mas ainda assim não podia realizar todas as atividades com o grupo, por não ser um índio. Certa vez Maculelê foi deixado sozinho na aldeia, quando toda a tribo saiu para caçar. Eis que uma tribo rival aparece para dominar o local. Maculelê, usando dois bastões, lutou sozinho contra o grupo rival e, heroicamente, venceu a disputa. Desde então passou a ser considerado um herói na tribo.

 

festival cultura2

 

Capoeira
Também a cargo do grupo do Projeto Abadá Capoeira, a apresentação mostrará uma expressão cultural brasileira que mistura arte marcial, esporte, cultura popular e música. Desenvolvida no Brasil principalmente por descendentes de escravos africanos com alguma influência indígena, é caracterizada por golpes e movimentos ágeis e complexos, utilizando primariamente chutes e rasteiras, além de cabeçadas, joelhadas, cotoveladas, acrobacias em solo ou aéreas. Uma característica que distingue a capoeira da maioria das outras artes marciais é a sua musicalidade.

 

 

Pesquisar Google

Google

Área Restrita



Links

 

portal


  banner esic

 

 

 

 

nota_fiscal_-_icone.jpg

 

 




Prefeitura Municipal de Cândido Mota - Rua Henrique Vasques, 180 - CEP 19880-000 - Telefone (18) 3341-9350 - Cândido Mota - SP