Seminário em CM destaca ‘vida e esperança’ para manter estudantes longe das drogas

antidrogas1

 

As secretarias de Educação e Saúde de Cândido Mota estão unidas contra as drogas, um mal que tem afetado várias famílias e que constitui grave problema de saúde pública, com sérias consequências pessoais e sociais no futuro dos jovens e de toda a sociedade. Do ponto de vista médico, droga é toda ‘substância usada para produzir alterações nas sensações, no grau de consciência e no estado emocional’. 

A cada dia aumenta o número de famílias que descobrem o envolvimento de seus filhos ou parentes com algum tipo de droga. E isto causa destruição no ambiente familiar, já que os dependentes químicos alteram radicalmente seus comportamentos para manter o vício. O melhor que as famílias e a sociedade devem fazer é investir em prevenção. 

 

antidrogas3

 

Neste sentido, acontece em Cândido Mota o ‘Seminário Antidrogas’, cuja abertura aconteceu no último dia 15, com ações concentradas nas escolas das redes municipais e estaduais. Na manhã desta terça-feira, dia 22, a quadra da escola municipal ‘Helena Pupim Albanez’ recebeu seus alunos e da escola estadual ‘São Francisco’ e escola municipal ‘João Leão’. No comando das ações, estavam equipes de jovens voluntários do município de Assis, pertencentes a ‘Shema’ - vila Xavier, Comunidade ‘Restauração’, ‘Movimento Tau’ da Catedral de Assis, e do projeto ‘Braços Abertos’, de Cândido Mota.

 

antidrogas2

 

 

Com brincadeiras e apresentação de teatro, os coordenadores da ação interagiram com os alunos, que se divertiram e prestaram muita atenção nas atividades.
Na abertura do seminário, a palestrante Vanessa Delfino, do Grupo de Jovens de Assis, destacou a importância do amor de Deus como forma de afastar jovens do mundo das drogas. “Vamos às escolas com o pretexto do uso de droga, mas não iremos falar sobre ela. Temos que falar do amor de Deus. Muitos jovens que usam drogas não tiveram uma experiência com este amor e é isso que queremos levar para eles”, disse.

 

antidrogas5


Com crianças

As ações vão seguir até junho e exatamente como a palestrante Vanessa Delfino falou; com brincadeiras e apresentações de teatros mostrando o amor à família, aos amigos e à vida. “É falando desta forma, a melhor de trabalhar contra o uso de drogas por nossas crianças. Isso é trabalhar com a prevenção e o melhor lugar é na escola, com crianças do ensino fundamental”, destacou o secretário de Educação e Cultura, Celso Josepetti.

A secretária de Saúde, Amanda Mailio Santana, também destacou a prevenção como a melhor ‘saída conta este mal’. “Trabalhamos na secretaria sempre com a prevenção e a questão das drogas não poderia ser diferente, já que ela é um problema de saúde pública. O que se faz no seminário vem ao encontro do trabalho desenvolvido com informações para que a pessoa não venha a experimentar. As crianças estão sendo aliciadas muito cedo e por isso precisamos começar com elas, e a escola é nossa grande parceira”, disse. 

E prosseguiu: “Os professores estão em contato diário e têm a possibilidade de ensinar de várias formas, por exemplo, como está acontecendo aqui na quadra lotada com os alunos brincando, ouvindo e aprendendo que o melhor é ter uma vida saudável, com amor ao próximo e respeitando seus familiares”.

O prefeito Roberto Bueno também destacou a importância do trabalho dentro da escola. “Infelizmente os nossos jovens estão tendo contato com o mundo das drogas muito cedo, daí a importância das ações nas escolas, já que elas abrigam a maior parte das crianças e adolescentes do município. É preciso fazer de tudo para que a curiosidade e o estímulo para o uso de drogas não exista”, frisou Roberto Bueno.

 

Pesquisar Google

Google

Área Restrita



Links


  banner esic

 

nota_fiscal_-_icone.jpg

  




Prefeitura Municipal de Cândido Mota - Rua Henrique Vasques, 180 - CEP 19880-000 - Telefone (18) 3341-9350 - Cândido Mota - SP